Apresentação

O conhecimento que temos da civilização egéia e dos povos que habitavam as ilhas do Mar Egeu (foto destacada), foi comprovada pelos pesquisadores há cerca 1870. A ilha de Creta descoberta no início desse século, tornou-se claro que a cultura egéia teve sua origem nessa ilha.

Período – 1700  a 1500 a.C

Palácio do Cnosso  em Creta – [arquitetura]

⇒ Arquitetura avançada para a época:  o fato de ter três ou quadro andares revela que uma preocupação em resolver problema como iluminação e colunas.

Palácio de Cnosso em Creta.

Período – cerca de 1600 a.C.

⇒Pintura revela mais espirito dinâmico e mais clareza do povo cretense, menos rigidez e imobilidade que a pintura egípcia, pois as cores eram vivas e contrastantes: tons de vermelho, azul e branco, bem como marrom, amarelo e verde

Afresco pintado numa das paredes do Palácio de Cnosso.

Afresco pintado numa das paredes do Palácio de Cnosso. Museu Arqueológico de Cândia, Grécia

Esculturas

Deusa com as Serpentes ⇒ Está peça de 17 cm de altura foi esculpida em marfim e apresenta os mamilos, os detalhes da saia e as seperntes em ouro. Museu de Belas Artes, Boston.

Deusa com as Serpentes

Copo de Vafio (cerca de 1600 a. C) Museu Nacional de Atenas

Arte micênica

A civilização que se desenvolveu em Micenas imitou muito os cretense tinha como característica as construção: longas e retangulares.

Internamente apresentavam as seguintes divisões: um vestíbulo, uma antecâmera e um grande salão. – o megaron = principal palácio.

  • Apresentava caráter monumentalidade.

A tumba dos Átridas (século XIV a.C )

Tumba dos Atridas

Corte esquemático da tumba do Átridas

As pinturas micênicos também tinha motivos diferentes dos cretas, aparecem guerreiros, cenas de caça e desfiles de carros.

Pota dos Leões (século XIV a. C. )

  • Principais Valores daquela civilização: força e agressividade

Boa parte dos pesquisadores acreditam que seja micênicos que enfrentaram os Troia. Com tempo encontraram vários vestígios.

Máscara de Agameon (cerca de 1600 a. C.) Museu Arqueológico Nacional, Atenas